Site Overlay

Doping tecnologico: UCI confirma que testou 347 bicicletas no Tour da Romandia

Nairo (de amarelo) no centro do pódio do Tour da Romandia

A União Ciclística Internacional (UCI) confirmou em nota oficial que testou sem aviso prévio, na sexta- feira, 29 de abril, todas as 347 bicicletas que estavam no Tour da Romandia, na Suíça. A competição terminou no último domingo, com a vitória do colombiano Nairo Quintana, da Movistar.

Curta o De Bike no Facebook.

 Femke van den Driessche competindo em prova do mountaiin bike: doping tecnológico e aposentadoria voluntária

Estas verificações usam um novo método digital que a UCI implantou este ano e que flagrou o doping tecnológico em Janeiro, na bicicleta da belga Femke Van den Driessche, no Campeonato Mundial de Ciclocross Sub-23, em Zolder, na Bélgica.

A entidade máxima do ciclismo mundial já testou bicicletas em muitas corridas em diferentes modalidades este ano, 274 no mundial de Ciclismo de Pista, em Londres, 164 Trofeo Alfredo Binda, 216 no Tour de Flandres, 232 na Paris-Roubaix e 173 na Liège-Bastogne-Liège Sub-23. A promessa é que os testes vão seguir por toda temporada.

O novo método usa um tablet, com um adaptador e software feito sob medida que permite o operador testar rodas, quadro, groupset e outros componentes em menos de um minuto. O software utilizado foi criado em parceria com uma empresa de desenvolvedores especializados e engenheiros elétricos. Se a verificação não pega nada de anormal, a bicicleta é desmontada para inspeção.

Brian  Cookson durante palestra da UCI

– Nos últimos dois anos temos feito um investimento considerável de recursos da UCI para encontrar um método para testar bicicletas e evitar a fraude tecnológica. Consultamos especialistas a partir de uma ampla variedade de formações profissionais, engenheiros eletrônicos e de software, físicos  e trabalhamos com a melhor tecnologia disponível. A nossa capacidade para testar de forma confiável tantas bicicletas transformou o nosso trabalho nesta área e vamos continuar a testar amplamente em todas as nossas disciplinas para garantir que qualquer um que tente nos enganar será pego -, disse o britânico Brian Cookson, presidente da União Ciclística Internacional, que no início do ano havida dito também que o doping mecânico era uma realidade no ciclismo mundial.

Source: De Bike (Globo) / Doping tecnologico: UCI confirma que testou 347 bicicletas no Tour da Romandia

Comments

comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.