Site Overlay

Referências

Buscar material de referência é algo muito importante no mundo da criação. Conheço vários assistentes, diretores de arte, e criação, e todos concordam que buscar inspiração no trabalho dos outros, entender as tendências do mercado são coisas impagáveis e faz parte do trabalho.
Não muito distante disso, existe o mundo da programacão. Onde, de forma idêntica, manter-se atualizado, saber das modificações nas tecnologias, saber o que está acontecendo de novo no mercado, falhas de segurança e melhorias em algoritmos também fazem parte da vida de um programador.
O curioso é, saber das tendências, ter referências e etc, fazem parte do que é esperado de um programador. Se alguém chega até mim e pergunta algo como, você sabe como fazer um site de forma rápida para prototipar um site usando Rails, com um CMS por trás, a resposta esperada é : “Sim, podemos usar ‘isso’ ou ‘aquilo’, eu nunca brinquei com ‘isso’ mas podemos testar, ‘aquilo’ eu sei que funciona +- assim…. bla bla bla ”
Durante o periodo de trabalho (nas 8h/10h) em que estou no escritório, é esperado q eu trabalhe programando, e não levantando referências.
Se eu usar uma busca de uma biblioteca X para facilitar a vida da equipe de dev como exemplo… Em média, uma pesquisa me consome algo em torno de 1h as vezes até mais. E isso é só de buscar material, ler artigos e etc…
Para ser mais justo e comparar bananas com bananas, vamos supor que eu estou apenas vendo tendências e buscando coisas interessantes genéricas(sem um fim específico). Minhas pesquisas deste modelo geralmente consomem algumas horas (3 ou mais), e geram 2 ou 3 links interessantes.
Eu, como boa parte dos developers, DAs e DCs que conheço,  faço isso no meu próprio tempo… porque isso me torna um profissional melhor, mais qualificado e informado, que garantem que eu tenha um bom emprego e, melhor ainda, o mantenha.
Agora, se eu fizesse isso em horário de escritório… vamos partir do melhor cenário… que eu gaste cerca de 30 mins para produzir um link. Se eu produzo uma média de 8 links por dia, isso significa que, eu consumo em média 4h por dia do meu dia de trabalho, procurando links bacanas. Se eu trabalho 10h por dia… isso me deixa com 6h de trabalho… se eu demoro uma média de 1.5h de almoço, já são 4.5h de trabalho.
Agora entre leitura de briefings, tempo para mudar de uma tarefa para outra, até focar, etc, vamos supor que se gasta 20% do tempo trabalhado não trabalhando, isso faz sobrar 3.6h de trabalho ou seja… 3h e 36 minutos em um dia, ela efetivamente passa 40% do tempo navegando e mandando links e apenas 36% do tempo trabalhando…
E viva as idéias.

Comments

comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.